.

Programa de Formação
Internacional em Práticas Artísticas

Prazo para candidaturas: até 07 de junho, 23:59 (horário de Brasília). 

Última turma do ano em nosso programa de formação intenacional em práticas artísticas. Aproveite esta oportunidade! Este processo não é seleção e sim uma conversa para nos conhecermos antes de você efetivar sua matrícula.

Primeiro semestre: de 15/06 até 25/11. Encontros e atividades semanais terças e quintas, tarde e noite.

SOBRE

O ILAP  (International Lab for Art Practices) da Uncool Artist, é o programa internacional de educação crítica e prática em artes visuais feito especialmente para falantes de português. Ele é uma plataforma de aprendizado online, focado em apoiar e promover a atuação de diversos agentes no meio internacional das artes contemporâneas. 

Com metodologia de ensino baseada em criação de comunidades, discussões críticas e fomento de projetos, o ILAP se tornou a opção mais interessante para novos artistas, curadores, pesquisadores e educadores que buscam seu lugar no mundo das artes. O ILAP tem carga horária e compromisso equivalente a um mestrado em artes visuais nos Estados Unidos, onde a sede da Uncool Artist está localizada.  

Estruturado em torno de uma experiência de trabalho completa, o programa oferece variadas atividades que vão do repertório crítico-teórico à produção criativa, elaboração de projetos e posicionamento de carreira.

Em cada semestre, as turmas são acompanhadas por artistas-mentores, em sessões em grupo e individuais. Práticas abertas e atividades estruturadas são utilizadas para o desenvolvimento de habilidades específicas, visando o fortalecimento profissional de cada participante no complexo contexto atual das artes.

Foto: Humberto Sandoval, Asco, 1975.

ESCOPO TEMÁTICO

A cada SEMESTRE

24 encontros divididos em dois momentos, as terças (19 às 21 horas) e quintas-feiras (14 às 17 horas), com objetivos diferentes e complementares:

Gestão de carreira e posicionamento

crítica, pesquisa e processos poéticos

Em reuniões quinzenais, nas terças-feiras, em práticas dirigidas, você desenvolverá e aplicará uma série de ferramentas e estratégias referentes ao seu posicionamento diante o sistema de arte e a gestão no dia a dia da sua produção.

Este é o momento para elencar objetivos, metas, lapidar projetos, assim como organizar seu espaço de trabalho, a documentação, entender como funcionam editais, residências artísticas, pesquisas acadêmicas, etc.

Nos encontros quinzenais das quintas-feiras discutiremos intensa e criticamente seus processos de criação e desenvolvimento das pesquisas e práticas poéticas. 

Em rodadas de críticas estruturadas sobre os trabalhos, textos e projetos dos participantes, você desenvolverá seus trabalhos em grande profundidade.

Um espaço de produção onde participantes serão provocados/as/es a aprofundar suas pesquisas com vistas a desdobramentos surpreendentes.

Os temas de estudos abordados dizem respeitos aos assuntos trazidos pelos participantes (repertório em história, teoria e filosofia) e mais discussões sobre processo criativo e conceitual.

Gestão de carreira e posicionamento

Em reuniões quinzenais, nas terças-feiras, em práticas dirigidas, você desenvolverá e aplicará uma série de ferramentas e estratégias referentes ao seu posicionamento diante o sistema de arte e a gestão o dia a dia da sua produção.

Este é o momento para elencar objetivos, metas, lapidar projetos, assim como organizar seu espaço de trabalho, a documentação, entender como funcionam editais, residências artísticas, pesquisas acadêmicas, etc.

crítica, pesquisa e processos poéticos

Nos encontros quinzenais das quintas-feiras discutiremos intensa e criticamente seus processos de criação e desenvolvimento das pesquisas e práticas poéticas. Em rodadas de críticas estruturadas sobre os trabalhos, textos e projetos dos participantes, você desenvolverá seus trabalhos em grande profundidade.

Este é um espaço de produção onde participantes serão provocados/as/es a aprofundar suas pesquisas com vistas a desdobramentos surpreendentes. Os temas de estudos abordados dizem respeitos aos assuntos trazidos pelos participantes (repertório em história, teoria e filosofia) e mais discussões sobre processo criativo e conceitual.

studio visits online

A cada semestre, você passará por 6 sessões de atendimento individual com os coordenadores do programa e interlocutores convidados.

Tais interlocutores poderão ser escolhidos pelos participantes considerando nossos professores, visitantes e nomes indicados pela Uncool Artist.

Cursos semestrais

O ILAP é uma formação que se completa em 2 anos, mas é pensada de forma modular “semestre a semestre”. Além dos encontros em grupo e individuais, em cada semestre da formação, participantes devem fazer um curso da Uncool Artist, fechando assim um currículo e carga horária completa de 116 horas por semestre (464 horas em 2 anos).

Acesso a partir do primeiro semestre
Acesso a partir do primeiro semestre
Acesso a partir do primeiro semestre
Acesso a partir do primeiro semestre
Acesso a partir do segundo semestre (sob demanda)

METODOLOGIA

Educação “baseada em comunidade” versus ensino “centrado no indivíduo” ​

Na Uncool Artist acreditamos que a formação de vínculos fortes e duradouros é a chave para uma carreira sustentável. Nosso foco é o fortalecimento do trabalho e crescimento colaborativo em detrimento do estímulo numa visão romantizada da figura “do” artista ou “do” curador. Para nós, uma comunidade saudável, acolhedora e interdisciplinar é a principal via de realização profissional, financeira e afetiva de todos os envolvidos, respeitando as individualidades e especificidades sem perder de vista que nossa força está no coletivo.

Interlocutores

Ao longo de cada semestre, contamos com a presença de interlocutores muito especiais. São artistas, curadores, críticos, galeristas e outros profissionais do meio que participam de encontros através de bate-papos, debates, leituras de portfólio, análises críticas, etc.

Visitas confirmadas para este semestre:

Projetos Expositivos, Educativos e publicações

Como parte fundamental do ILAP, os participantes são encorajados a trazerem seus projetos a público, seja de forma virtual ou presencial.

O objetivo dessas atividades é oferecer oportunidades de experimentação, inserção no circuito e comercialização dos trabalhos dos participantes  de forma efetiva e sustentável.

Os projetos terão suporte de (ou serão orientados por) nossa equipe de pesquisa e curadoria.

Possibilidades de realização de projetos:

NO SITE E REDES SOCIAIS

Cada participante do ILAP tem uma página no site da Uncool Artist e seus trabalhos são frequentemente apresentados em nossas redes sociais.

Como nosso principal propósito é apoiar o desenvolvimento profissional, os participantes também serão incentivados a produzir conteúdo especial para ser publicado em nossa redação e plataformas de mídia social.

Sendo assim, espera-se que os participantes concluam em 4 semestres:

144

encontros

totalizando 336 horas de atividades mediadas

4

cursos

da Uncool Artist totalizando 128 horas de estudo

2

anos

de convivência em comunidade

8

projetos expositivos

com participação obrigatória em pelo menos 1 deles.

Certificado Internacional DE FORMAÇÃO EM ARTES VISUAIS

A Uncool Artist é uma escola de artistas baseada em Nova York, nos Estados Unidos. Sendo assim, participantes do programa, ao final da formação completa, em 2 anos, receberão um certificado internacional, bilíngue (inglês/português), incluindo um relatório detalhado quanto ao seu desenvolvimento em toda formação.

 

COORDENAÇÃO E MENTORIA

Ana Roman

Curadora independente

Mestre em Geografia pela Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas da USP. Atualmente, dedica-se a pesquisa em arte contemporânea e à curadoria: foi assistente de curadoria das exposições Lina Gráfica SESC Pompéia, 2014); rever_Augusto de Campos (SESC Pompeia, SESC Santo André, SESC Araraquara); pesquisadora de Achillina Giuseppina Maria | Bo Achillina | Achillina Giuseppina | Achillina Bo do artista Walmor Corrêa no SESC Pompeia (2016) e Ready Made in Brasil (Centro Cultural FIESP, 2017). Assinou a curadoria da exposição A Asseidade da Fenda de David Almeida no Centro Elefante Centro Cultural em Brasília (2016) e a Ocupação: qualquer frase era melhor que o silêncio (2016) na Plana junto com Thais Gouveia. Desde 2014, participa do coletivo sem título, S.D. de produção e pesquisa em arte contemporânea, com o qual realizou ações como a mostra O que não é performance? no Centro Universitário Maria Antonia (2015) e o seminário Residências Públicas: Primeiras Questões na Estação Pinacoteca (2016). É curadora assistente na 34ª Bienal de São Paulo.

Andréa Tavares

Artista e professora

Vive e trabalha em São Paulo. Desenvolve sua pesquisa poética no atrito entre a memória coletiva e a individual principalmente através do uso dos meios gráficos utilizados como suporte e conteúdo. Obteve o título de mestre (2008) e doutora (2015) em Poéticas Visuais. Coordena o curso de pós-graduação lato sensu Práticas Artísticas Contemporâneas na FAAP onde também leciona disciplinas de linguagens gráficas e metodologia de pesquisa em poéticas visuais nos cursos de Artes Visuais e Produção Cultural.

Arthur Scovino

Artista

Vive em São Paulo. Artista multidisciplinar que trabalha com instalações, fotografia, desenho, video e performances. Formado em Licenciatura em Desenho e Plásticas pela Escola de Belas Artes da UFBA, coordenou por 3 anos o Festival de Performance da Galeria Cañizares da UFBA. Em 2014 participou da 3ª Bienal da Bahia e da 31ª Bienal de São Paulo. Foi indicado três anos seguidos ao Prêmio PIPA. Teve participação em diversas exposições coletivas nacionais e internacionais como “softpower – Arte Brasil”, Holanda 2016, “À Nordeste”, São Paulo 2019, e também mostras individuais como “Caboclo dos Aflitos” Solyanka Gallery, Moscou 2016 e “Um Caboclo” Casa da Luz SP 2018. Foi artista residente da Casa da Luz SP em 2018 realizando 7 exposições ao longo do ano como artista e produtor. Em 2019 mudou-se para o Ateliê Av. São João onde realiza diversas atividades como residências artísticas, workshops e exposições.

Carolina Paz

Artista, educadora e cientista social

Atualmente vive e trabalha no Brooklyn, NY. Tem graduação em Ciências Sociais, mestrado em Mídia e Conhecimento pela Universidade Federal de Santa Catarina e master em Fine Arts pela School of Visual Arts de Nova York. Atua em arte e educação desde 2004. Participa de exposições coletivas, individuais e residências artísticas no Brasil, Europa e Estados Unidos desde 2007. Vencedora do prêmio Funarte de Artes Visuais 2013. É fundadora da Uncool Artist e do Coletivo2e1. Inaugurou a oferta de cursos a distância em espaços independentes de arte, no Brasil, em 2012 e trabalha com EaD desde 2001 em diferentes instituições públicas e privadas como FAAP, UFSC, FGV, CONSED, Instituto Razão Social, TAM, Petrobras etc.

Darli Nuza

Artista e pesquisadora

Junto a docência em Artes desenvolve projetos artísticos híbridos entre aquarela café e tecnologias contemporâneas. Doutora em Arte e Tecnologia, com ênfase em mercado de arte tecnológica pelo PPGArte/ UnB. Mestre em Artes com pesquisa em Poéticas Híbridas e graduada em Artes Visuais pela Universidade Estadual de Montes Claros.  Participou de exposições coletivas em instituições como a Caixa Cultural e  Museu Nacional da República. Gosta de partilhas e prosa sobre pesquisa e atualmente segue investigando as conexões e discrepâncias sobre mercado de arte, produção poética e tecnologias. 

Liene Bosquê

Artista

Brasileira radicada nos Estados Unidos há 11 anos, atualmente vive em Miami onde é docente na Florida International University.Suas instalações, esculturas e performances foram exibidas internacionalmente em locais como MoMA PS.1, New York Foundation for the Arts Gallery, em Nova York; Museum of Contemporary Art North Miami, Contemporary Museum of Photography em Chicago; Carpe Diem em Lisboa, Portugal; Museu de Arte de Ribeirão Preto no Brasil; além de galerias e espaços públicos no Brasil, Portugal, Coréia do Sul, Turquia e Estados Unidos. Liene conquistou, em 2011, o título de Mestre em Artes Visuais pelo Art Institute of Chicago. Em 2007 Concluiu o Curso Avançado de Artes Plásticas no ArCo (Centro de Arte e Comunicação Visual) em Lisboa. No Brasil viveu até concluir as universidades em 2003, o Bacharelado em Artes pela UNESP, e em 2004 Arquitetura e Urbanismo pela Universidade Mackenzie, ambas em São Paulo.

Iara Pimenta

Curadora independente

Vive em Nova Iorque desde 2015. Formada em Arquitetura e Urbanismo pela Universidade de São Paulo (FAU USP) possui um mestrado em Práticas Críticas e Curatoriais (CCCP) pela Columbia University GSAPP em Nova Iorque. Interessada em cruzamentos entre arte e arquitetura, seus projetos investigam relações entre espaço, história e cultura, e refletem sobre perspectivas que questionam memórias e imaginários coletivos. Também escreve sobre exposições, instituições de arte e arquitetura, e sobre o trabalho de artistas e arquitetos.  Com experiências na elaboração e planejamento de exposições e programas públicos, Iara já ocupou posições como Curatorial Fellow na Storefront for Art and Architecture e produtora na Carbono Galeria. Apresentou projetos em eventos relevantes, como a Bienal de Design de Istambul de 2016, e participou de residências de curadoria na Residency Unlimited e Kunstraum.

PARCERIA

COMO SE INSCREVER

Instruções para candidaturas:

O ILAP foi criado para artistas, curadores, críticos, pesquisadores, educadores e qualquer pessoa do setor cultural com o objetivo de seguir uma carreira internacional nas artes. Esta é uma alternativa mais acessível a um programa de mestrado internacional. Serve de plataforma para aqueles que buscam se envolver em discussões críticas sobre o mundo da arte hoje e com o objetivo de expandir suas redes.

Para se inscrever no programa, envie-nos um e-mail com UM ÚNICO PDF de até 12 Mb contendo:
– Seu primeiro e último nome
– pronome e nome que gostaria de ser chamada/o/e
– Endereço (inclua cidade, estado, país e código postal)
– Número de telefone
– Link para seu site (se disponível)
– Link para seu perfil do Instagram (se disponível)
– Uma breve declaração de interesse no programa (de aproximadamente 500 palavras)
– Portfólio (até 10 imagens)

Envie seu e-mail para info@uncoolartist.com com “Inscrição – Uncool Artist ILAP Brasil” na linha de assunto.

Assim que recebermos seus materiais, entraremos em contato com mais informações sobre o nossa conversa (entrevista). Vamos considerar bolsas de estudo caso a caso. 

As entrevistas acontecerão poucos dias após a submissão do material (fique de olho no seu email) e de acordo com a ordem de chegada. Não deixe para última hora! Mande seu material o quanto antes e usufrua da conversa conosco.