.

Statement

Meu processo criativo tem como fio condutor a percepção do cotidiano através do diálogo com elementos naturais artificiais da paisagem. Tenho interesse de pesquisa na história natural do colonialismo, arquitetura modernista brasileira e ecossistema urbano, em suas difíceis sobreposições. Me aproprio e atualizo a estética da ilustração botânica, o paisagismo e a jardinagem como dispositivos de pesquisas na cidade. O desenvolvimento dessa poética acredita na compreensão de Lugar tanto como expressão geográfica da singularidade, resultado de características históricas e culturais intrínsecas ao seu processo de formação, quanto como expressão da globalidade

Bio

Leandro Estevam é artista visual e designer pela Escola de Belas Artes da Universidade Federal da Bahia. Desde 2008 desenvolve trabalhos autorais com participação em salões, feiras, exposições coletivas e individuais. Tem Interesse de pesquisa na história natural do colonialismo, arquitetura modernista brasileira e ecossistema urbano, em suas difíceis sobreposições. Se apropria e atualiza a estética da ilustração botânica, o paisagismo e a jardinagem como dispositivos de pesquisas na cidade. Apresentou sua primeira exposição individual “Canteiro de Obras” na Cidade do México (2018). Publicou, pela Incubadora de Publicações Gráficas, o livro “Diário do Pó” (2018).

obras

Meu corpo desenha trajetórias no espaço, 2018