.

Statement

Quando comecei a frequentar ateliês de artistas de Campinas, pintava e desenhava muito. Experimentei diversas mídias como pintura, colagem, gravuras, instalações e diferentes suportes. Hoje recorro a materiais de construção civil para construir paisagens contemporâneas. Uma relação que busco entre arquitetura, encaixe e equilíbrio. A fotografia é parte do processo, observar, selecionar e recortar a paisagem. A ação de fazer e desfazer, cortar e remontar, construir e desconstruir. Retrabalhar os fragmentos e frestas, explorar as possibilidades de ressignificação. É isso que me move e que compõe o meu trabalho.

Bio

Rosana Naday vive e trabalha em Campinas. Nos anos 70 iniciou sua pesquisa artística, trabalhando com artistas da cidade de Campinas, como Egas Francisco, Francisco Biojone e Alberto Teixeira. Estudou pintura com Mário Graven Borges. Em 1974, integrou o grupo Bernardo Caro e Equipe Convívio, participando da Bienal Nacional com a premiada obra “Mulher Totêmica”. Em 1975, o grupo participou da 13º Bienal Internacional com a obra “Sempre”( no catálogo nome de solteira Rosana Penteado de Camargo). Desde a década de 80 até hoje, sua casa é aberta como local para exposições e encontros com artistas convidados. Participou do reconhecido Clube de Arte Campinas. De 2007 a 2009 frequentou o ateliê do artista plástico Osmar Pinheiro (SP).

Entre 2008 e 2013, abre a Galeria Penteado em Campinas, que posteriormente se torna Galeria Fernandes Naday da qual foi sócia até 2017. Em 2009 começa a frequentar o grupo de acompanhamento Éden, com os críticos: Gui Amado, Rafael Campos Rocha, José Bento Ferreira e Juliana Monachesi (com quem permanece em acompanhamento há mais de 10 anos). Foi integrante do Grupo Aluga-se, participando de diversas exposições em museus no Brasil e Dinamarca. Hoje, convidada pela ABACT (Associação Brasileira de Arte Contemporânea) organiza grupos fechados para visitas a ateliês de artistas contemporâneos.

obras

Série Muros, 2019

100x78cm_Grafite e tinta de gravura sobre papel Hahnemühle