fbpx
Skip to content

Mariana Battistelli

b. Guarapuava, Brazil, 1993. Lives and work in Santa Catarina, Brazil.

Licenciada em Artes Visuais com ênfase em computação gráfica – UTP (2013) e Pós-graduada em História Social da Arte – PUC/PR (2016). Possui como principal linguagem investigativa a pintura, articulando mídias, suportes e técnicas em trabalhos diretamente vinculados a ferramentas de comunicação digital. Explora recursos cênicos, alegóricos e narrativos buscando proporcionar a ressignificação de dados através da apropriação e montagem. Com interesse voltado para a materialidade da imagem, desenvolve objetos, estudos gráficos e projetos para web. Atualmente pesquisa a relação entre arte e afeto na inserção e veiculação de trabalhos on-line.

 -=≡=-

Nasci bicho do mato, mantendo o olhar atento e economizando palavras. Mente inquieta, cresci dividindo o tempo entre observar a natureza e explorar a globalização do mundo através da tela de um PC. Quando me dei conta, estava questionando imagens e buscando perceber em seus aspectos materiais, a presença de algo irrepresentável. Isso despertou meu interesse por coisas que não se explicam, e que direcionam crenças e formas de vida em diferentes contextos e culturas.

Investigando a linguagem pictórica de forma expandida, passei a combinar registros pessoais, dados de navegação, presença e interações na web em composições multimídia. Buscando, nesse meio volátil de possíveis e excessos, encontrar em características banais, motivos para composições sublimes. Ao trabalhar com a materialidade da imagem, desenvolvo projetos de instalação/intervenção, objetos e estudos gráficos. Ao apresenta-los em formatos digitais, pesquiso também, modos de veiculação online através do uso de ferramentas de marketing digital.

Tenho em mente que através da manipulação de uma superfície simbólica é possível gerar identificação e reconhecimento - aqui e agora. Sendo guiada pelas diferentes formas de se perceber como sujeito e pela potencialidade de interferência das mídias em desdobramentos afetivos. Assim, me move a naturalidade com que paramos para observar aquilo que não podemos ver. Um exercício constante de conhecer a si e o mundo, mediados por interfaces. Aposto que em grande parte, a voz que soa enquanto lê essas palavras, não é minha. Afinal, não estamos limitados a apenas receber o sensível, também o produzimos.

2022. Do write [right] to me | São Paulo, SP
2021/2022. Do write [right] to me | Miami, FL
2021. Do write [right] to me | New York, NY
2021. Acervo Homeostasis Lab - The Wrong | Bienal de Arte Digital
2019/2020. Distâncias Compartilhadas
Circuito Digital - Bienal Internacional de Arte Contemporânea de Curitiba
2018. Paralela Eixo | Niterói, RJ http://www.eixoarte.com.br
2018. Salão Nacional de Arte Contemporânea de Alagoas | Maceió, AL
2018. Intercâmbio de Portfólio | Curitiba, PR
2018. Gestos Estratégicos | Curitiba, PR
2018. Coletiva Eixo 2018 | Rio de Janeiro, RJ http://www.eixoarte.com.br
2018. Art in process festival - UFRJ | Rio de Janeiro, RJ
2017. Homeostasis Lab - The Wrong | Bienal de Arte Digital
http://www.homeostasislab.com/Mariana-Aguiar-Battistelli
2017. (DES)Fronteiras | Novo Hamburgo, RS
2017. Projeto Arte na Cidade | Curitiba, PR
2017. 1º Salão de Artes Visuais de Pinhais | Pinhais, PR
2017. r i z o m a | Pelotas, RS
2016. Defronte | Curitiba, PR
2015. Festival Internacional de Cinema da Bienal Internacional de Curitiba (FICBIC) | Curitiba, PR

Artworks / Obras