Statement

Através de um trabalho multidisciplinar, articulo ideias sobre cultura, construção de identidade, arquétipos e sexualidade, influenciada pelas narrativas que atravessam o corpo feminino na atualidade e as conexões com questões históricas e ancestrais que habitam a subjetividade coletiva.

Minha pesquisa poética parte de um labirinto autobiográfico em busca de repensar as ações e forças que agem sobre a noção de corpo e território, criando intersecções entre o íntimo e o universal, indivíduo e sociedade.

Por meio da investigação de pequenos fragmentos do imaginário social e temas do antropoceno, minha prática entrelaça desdobramentos da presença por meio de diferentes técnicas e estados meditativos, criando narrativas que são um convite a uma visão política para um mundo diverso e com várias possibilidades de existência

Bio

Fiamma Viola, é paulista, iniciou seu percurso artístico em São Paulo e, desde 2016 intercala períodos baseada no Brasil (Brasília) e na Itália (Bologna).

Faz parte do programa de formação de crítica e prática em artes visuais – International Lab for Art Practices (ILAP) – da Uncool Artist e frequentou o Associate of Arts Degree in Fine Art da Academy of Art University San Francisco – EUA.

Em Brasília, estudou a arte clássica por quatro anos como aluna e assistente do artista búlgaro Bisser Naydenov Hristov, ex-professor de Universidades em Oslo, Barcelona, Montreal e Havana com pinturas integrando coleções relevantes ao redor do mundo, como no The Montreal Arts Museum, Oslo National Museum, White House Collection-EUA e a coleção particular do Príncipe Philipe, no Palácio de Buckingham.

Atualmente dedica-se à sua produção artística e ao envolvimento em projetos de impacto social, além de ser ativista política no coletivo “Bologna per la Democracia in Brasile” na Itália.

Projetos, exposições e residências recentes:

· Anfitriã italiana do programa de residência artística compartilhada do Instituto Black Brazil Art (2021)

· Residência Volante 4ª edição – residência artística com curadoria e coordenação de Suyan de Mattos (Brasília- 2020)

· Propostas Novas para Novos Mundos – projeto de intervenção literária coletiva pela Editora Aquarela Brasileira (2020)

· Ocupação Ovárias 5° Edição RJ – com o filme “Corpo Estranho” (2020)

· Participação no Festival Feminista do Porto-Portugal com a intervenção “Atadas” (2019)

· Projeto expositivo individual Five4Five com curadoria de Gina Affinito na galeria Antica Saliera em Lecce / Itália (2018)

· “Rizoma” Mostra Multimídia Internacional de Arte Contemporânea em Ouro Preto / Brasil (2018)

· “Anatomia da Beleza” na galeria Casa Cava em Matera / Itália (2018)

· “Como resistir no mundo de hoje?” na Galeria Cañizares por ocasião do Fórum Social Mundial – Salvador / Brasil (2018)

obras

Yoni - 2019